Bela Vista Centro de Educação Integrada de Águeda - ATL, CAFAP, Creche Familiar, Formação Inserção Social, Jardim de Infância
Os cookies ajudam-nos a melhorar os nossos serviços. Ao navegar neste website, concorda com a nossa utilização de cookies. Saber mais. / Compreendi.
Bela Vista Centro de Educação Integrada de Águeda - ATL, CAFAP, Creche Familiar, Formação Inserção Social, Jardim de Infância
Instalar Flash Player
Belavista Belavista

 

 

Entrada na creche / escola

Esta é uma nova situação que mexe com a família inteira, pois, afinal de contas, estão a viver um momento de transição.

Algumas famílias, diante de novas situações, procuram sempre encontrar soluções; outras, só conseguem ver os problemas.

Não seria este um bom momento para pensar sobre qual é o padrão da sua família? Ele poderá facilitar ou dificultar, de alguma maneira, a adaptação da sua criança à creche/escola.

Agora, pense connosco: se um dia a criança saiu da "barriga da mãe", para a "barriga da família", por que, então, não dizer que agora, que está a ir para a creche/escola, ela não estará a sair da "barriga da família", para a "barriga da sociedade"?

Na creche/escola, ela conviverá com outras crianças da mesma faixa etária, que poderão apresentar comportamentos e atitudes, muitas vezes, diferentes das suas. Ela encontrará normas e regras, nem sempre as mesmas com as quais está habituada; terá novas aprendizagem, inclusive o de partilhar com outros o mesmo brinquedo.

É uma nova etapa do seu processo de individualização, o qual a acompanhará ao longo da vida, através da ampliação constante de novas experiências.

Portanto, pai e mãe: procurem reconhecer com naturalidade esse momento de transição, o qual é parte de um processo que envolve o desenvolvimento, não só da criança, mas da família como um todo.

Procurem obter o máximo de informações e recursos que os ajudem a atravessá-lo com equilíbrio.

Mas temos ainda, uma dica de um recurso valioso, ao qual vocês poderão recorrer. Sabe onde encontrá-lo?

 Lá mesmo, nas suas próprias famílias de origem. Afinal de contas, não é a primeira vez que elas vivem a experiência de ter uma criança indo para a creche/escola. Pergunte, como é que elas viveram essa situação? Quem foi que mais se preocupou? Quem mais ajudou ou atrapalhou? Como fizeram? O que deixaram de fazer? O que poderiam ter feito diferente?

Desta maneira, vocês irão ter a oportunidade de abrir um "baú de recursos familiares", entrar em contato com o passado das suas famílias e rever situações do "arco da velha".

Avaliem e atualizem, aproveitando para dar um novo significado para a situação dos dias atuais.

Boa sorte!


 

 

Belavista Belavista